• Bambuí, 03 de Dezembro de 2021

Preso suspeito de matar a tiros ex-namorada e ex-sogro em Pitangui

Foto: Reprodução/Redes Socias

Já está no presídio de Pitangui, no Centro-Oeste de Minas, o jovem suspeito de matar a tiros a ex-namorada e o ex-sogro, no mesmo município. Ele foi preso nesse domingo (21/11) na casa dele, no Bairro Novo Lavrado.

Fabiana Cézar da Fonseca, de 30 anos, e Luiz Eustáquio da Fonseca, de 67, foram mortos em casa, na zona rural de Sacramento, na sexta-feira (19/11). Ela foi atingida por quatro tiros e ele por um.

A arma usada no crime, um revólver calibre. 32, foi apreendido em um imóvel abandonado. O suspeito, que tem várias passagens, como ameaça e furto, confessou o crime. O duplo homicídio teria motivação passional, mas foi registrado como latrocínio. 
 
“Temos um homicídio e a subtração de um bem no mesmo contexto, o que pode ser considerado latrocínio”, afirmou o tenente da Polícia Militar Rafael Teixeira Machado.

Comparsa
A partir de análise de imagens próximas ao local do crime, a Polícia Militar identificou a participação de uma segunda pessoa. O homem, de 44 anos, foi preso na sexta-feira (19/11). Ele teria emprestado as duas armas e levado o autor dos tiros até à casa das vítimas.

Durante a prisão, foram apreendidos na casa do comparsa o capacete e as peças de roupas usadas no dia do duplo homicídio. Também foi encontrada a motocicleta utilizada para ir até o local do crime. Apenas uma arma foi localizada até agora.

O crime
Pai e filha estavam na sala de casa quando o suspeito chegou atirando. A mãe da vítima estava no quarto e não ficou ferida. Para dificultar o socorro, o jovem cortou os fios do telefone. Quando a polícia chegou, as vítimas já estavam sem vida. 

O rapaz fugiu no carro da família e o abandou no meio do caminho, trocando-o por uma moto furtada. Entretanto, ela também foi abandonada às margens de uma rodovia por ter dispositivo antifurto. O suspeito continuou a fuga a pé e só foi encontrado dois dias após o crime.


Compartilhe: