Filho confessa ter matado o pai e usado retroescavadeira para enterrar o corpo em MG

Um jovem de 27 anos confessou na manhã desta segunda-feira (27) que matou o pai e, com uma retroescavadeira, o enterrou em uma área de vegetação em Oliveira. O corpo da vítima, de 61 anos, foi encontrado no domingo (26) com um corte na garganta.

Segundo a Polícia Civil, o rapaz procurou a delegacia na presença de um advogado e contou ter cometido o assassinato na última sexta (24), após presenciar uma discussão seguida de agressão entre o pai e a mãe, e também ser agredido ao defendê-la.

Após o crime, o jovem disse que levou o pai para uma área de pasto e, com ajuda de uma retroescavadeira que pertencia à vítima, cavou um buraco e enterrou o corpo.

O rapaz segue sendo ouvido na tarde desta segunda-feira pelo delegado Flávio Braga, responsável pela investigação que está em andamento.

Corpo encontrado

O corpo do idoso foi encontrado no domingo (26), após testemunhas denunciarem à Polícia Militar (PM) que havia um trecho de terra remexida no local usado para pastagem e que possivelmente haveria um corpo enterrado na área.

Com ajuda de do Corpo de Bombeiros, os policiais foram até o local indicado confirmaram a denúncia. E equipe pediu emprestada uma retroescavadeira do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) para auxiliar nos trabalhos e então o corpo foi localizado.

A vítima foi reconhecida por familiares e, após os trabalhos da perícia, foi liberado para funerária. O sepultamento ocorreu na manhã desta segunda-feira.