• Bambuí, 18 de Janeiro de 2022

Pai é investigado suspeito de abusar sexualmente da filha em São Roque de Minas

A Polícia Civil de São Roque de Minas abriu um inquérito para apurar um caso de suposto abuso sexual envolvendo um homem, de 40 anos, e sua filha de 14. A investigação começou na última quarta-feira (13) após a polícia tomar conhecimento de conversas que a vítima teve com o autor.

O suspeito do crime é funcionário público da Prefeitura de São Roque de Minas e atualmente está cedido para o Instituto de Meio Ambiente (IMA).

Segundo informações da PC, o homem, que é detentor da guarda da adolescente, já prestou depoimento. A adolescente foi encaminhada a um abrigo para menores em Piumhi/MG e deverá ser ouvida em breve.

Ainda de acordo com a PC, as investigações seguem em andamento para tomar todas as providências necessárias sobre o caso. Outras informações poderão ser passadas em momento oportuno.

Em um diálogo divulgado pelo G1, um trecho da conversa por aplicativo mostra a menina descrevendo atividades de um atendimento psicológico. Ela escreve: “Tive que fazer uns trabalhos lá. Desenhos, ela ia falando uma palavra e eu ia desenhando oq vinha na minha cabeça, nem vou mais pro psicólogo eu acho”.

Em seguida o pai questiona; “Uai porque” e a adolescente responde “Pq ela fica perguntando muito da minha vida e eu tenho medo de contar dar vezes q vc passou a mão em mim e chupou meu peito”.

Em outro trecho divulgado o suspeito diz que a filha não precisa parar com os atendimentos psicológicos e a menina responde; “não consigo me segurar, começo a chorar lá e conto tudo”.

Na sequência o pai afirma “Se achar q deve contar pode contar! Eu errei, não devia nem ter passado pomada aquelas vezes”. A adolescente retruca; “Isso é abuso e da cadeia” e ele fala; “Eu sei. Pesso desculpas foi sem maldade”. Na sequência ele finaliza: “Mas se me prenderem tem problemas não! Eu Errei”.


Compartilhe: