• Bambuí, 26 de Janeiro de 2021

Bambuí poderá voltar para a Onda Amarela na próxima semana, diz prefeito Olívio

Foto: Marco Antônio/TV Bambuí

O prefeito de Bambuí, Olívio Teixeira (PSB), comentou na manhã desta terça-feira (12), durante entrevista na Rádio Sucesso Bambuí FM, que o município poderá retornar para a Onda Amarela do Plano Minas Consciente do Governo do Estado, já na próxima segunda-feira (18).

Em sua entrevista, Olívio demonstrou sua insatisfação quanto ao desrespeito de parte da população, que não está respeitando as regras para contenção da doença.

“Somos orientados pelo estado e cumprimos as regras, até atrasamos uma semana; infelizmente a gente teve que aderir, em um dia apareceu cinco casos, no outro três, então, a doença está batendo nas nossas portas; anunciamos que no sábado seria onda vermelha, já era para as pessoas ficarem em casa, mas o que ocorreu é que parece que todos tem que ir para a rua aproveitar para transmitir a doença; os bares todos lotados, as pessoas não estão dando a importância” comentou Olívio Teixeira (PSB).

Olívio também ressaltou que não acredita que o comércio seja o culpado pelo aumento dos casos, porém o fechamento do comércio é uma medida para inibir que as pessoas saiam de casa.

“Eu acho que os comerciantes de lojas são os menos culpados disso, os casos de transmissão são os mais difíceis; não queremos que a população vá para a rua por qualquer motivo; saúde em primeiro lugar, se não tiver motivo para sair as pessoas ficam em casa; eu acho que os bares e os bancos são os maiores que podem propagar essa doença” ressaltou o prefeito de Bambuí.

Diante das afirmações é possível destacar que o prefeito Olívio Teixeira (PSB) está preocupado e acompanhando o avanço do Coronavírus no município, porém é necessário acompanhar as ações do Governo do Estado de Minas para impedir que tudo saía do controle.

Além disso, a Prefeitura de Bambuí está com um Disque Denúncia para combater o avanço do Coronavírus. Em caso irregularidades e descumprimentos aos decretos, o cidadão de bem pode entrar em contato com o número (37) 99982-0804.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS