• Bambuí, 11 de Dezembro de 2019

Polícia Civil desmonta esquema milionário de pirâmide financeira em Minas

Foto: Reprodução/Pixabay

Um golpe de estelionato envolvendo esquema de pirâmide financeira com abrangência em todo o país foi desmantelado após quatro meses de investigações da Polícia Civil de Minas Gerais. O suspeito de liderar a organização criminosa foi preso em um resort no distrito de Arraial d'Ajuda, Porto Seguro (BA), onde levava uma vida de luxo.

De acordo com a corporação, apurações dão conta de que há vítimas que tiveram prejuízo superior a R$ 1 milhão com os golpes. O suspeito de liderar a quadrilha teria iniciado as atividades criminosas em Montes Claros, no Norte de Minas, onde fundou a “Mattos Investing” com o objetivo de captar investidores no setor de criptomoedas e mercado Forex. 

Segundo informações divulgadas pela polícia, ele criou uma rede de captadores que prometia retorno dos investimentos a uma taxa de 30% a 100% ao mês, com aporte mínimo de R$ 1,5 mil. 

 Há cerca de um ano, a empresa desapareceu do mercado e o suspeito se escondeu dos credores de diversas regiões do país. No resort que morava, pelo aluguel de R$ 30 mil ao mês, homem contava com seguranças armados e chegou até mesmo a se isolar em uma ilha do litoral baiano em uma das fugas. Mais informações serão divulgadas em coletiva de imprensa da Polícia Civil na segunda-feira (19).


Compartilhe:

COMENTÁRIOS