• Bambuí, 28 de Setembro de 2020

Motociclista que salvou suicida, na Chapada dos Guimarães/MT, é filho de bambuiense

Foto: Reprodução

O motociclista que  salvou um homem de se jogar no Portão do Inferno, na Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso, no fim da manhã de sábado (18), é o jovem empresário Thulio Prates Silva, filho do bambuiense Jobson Resende Silva, o avô dele era o saudoso Jair da Estação.

Nas redes sociais, milhares de pessoas o chamam de ‘anjo’. Thulio seguia pela rodovia conduzindo sua motocicleta, quando seu caminho foi fechado por um Chevrolet Classic, que parou no meio da pista, entre as duas faixas, momento em que um homem desceu e seguiu em direção à mureta de proteção do precipício, onde escalava para pular. O empresário  imobilizou e salvou o homem.

A tentativa de suicídio foi registrada, em vídeo, por um motorista que passava pela Rodovia Emanuel Pinheiro, MT-251, em Chapada dos Guimarães/MG.

Confira o vídeo



Em conversa com o Portal Repórter MT Thulio explicou que estava voltando de Chapada dos Guimarães quando a vítima parou com o Chevrolet Classic atravessado na pista, fechando a passagem, momento em que freou a motocicleta e aguardou.

“Pensei que ele ia fazer o contorno, mas aí, parou e desceu rápido do carro, nesse momento ele chegou a cambalear, pensei que estivesse bêbado inicialmente, mas não, na verdade estava muito emocionado por alguma razão”, explicou.

A vítima seguiu em direção à mureta, quando Thulio diz ter pensado: “Não acredito que ele vai fazer uma barbaridade dessas, não é possível que ele vá se jogar dali”.

Até que o homem passou a primeira perna pelo muro, na iminência de se jogar. “Não pensei e fui atrás dele, não sei o que falar, simplesmente aconteceu”, relata.

“Não pensei e fui atrás dele, não sei o que falar, simplesmente aconteceu”, relatou o motociclista.

Thulio contou que após puxar o homem e cair com ele na rodovia, não conseguiu conversar para saber o que estava acontecendo, ele só chorava. Neste momento uma mulher loira, que aparece no vídeo de camisa laranja, se aproxima e oferece ajuda.

“A gente colocou ele dentro do carro da mulher [de camisa laranja] que aparece no vídeo e depois não sei de mais nada também”, finaliza Prates.

Com informações do Portal Repórter MT.
 


Compartilhe:

COMENTÁRIOS