• Bambuí, 11 de Dezembro de 2019

Bêbado aciona PM à toa, desacata PM, e vai preso em Carmo do Cajuru

Foto: Reprodução

Os homens da lei foram acionados durante a noite de hoje (22) no bairro Alvorada, em Carmo do Cajuru.

Os militares chegaram ao endereço para atender ao chamado de um elemento de 27 anos, que apresentava fortes sintomas de embriaguez.

Com fala desconexa, o homem não soube explicitar nenhum tipo de crime que justificasse uma intervenção policial. Dessa forma, a PM informou que nada poderia ser feito.

Irritado, o autor passou a ofender os policiais militares, cometendo o crime de desacato. Diante dos fatos, os militares foram obrigados a cumprir a lei e dar voz de prisão ao autor.

Bom Senso

A Polícia Militar tem, por base, a função de patrulhamento para prevenção de crimes violentos na cidade. Infelizmente, a falta de bom senso de alguns populares atrapalha o funcionamento da patrulha.

“Há pessoas que acionam o 190 para solucionar coisas banais de puro cunho pessoal ou familiar. Em alguns casos não há sequer um crime que possa ser registrado. Isso toma tempo, gasolina e energia que poderiam sem empenhados em situações urgentes”, desabafa um militar divinopolitano reformado que prefere não se identificar.

Crime de Desacato

Desacato é considerado um crime previsto pelo Código Penal Brasileiro em seu art. 331 que, segundo a Constituição Brasileira, consiste em desacatar, ou seja, faltar com o respeito para com um funcionário público no exercício da função ou em razão dela.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS