• Bambuí, 21 de Setembro de 2019

Prefeitura confirma o segundo caso de meningite em Formiga

Foto: Reprodução

A Secretaria Municipal de Saúde de Formiga divulgou, nesta sexta-feira (05), a confirmação do segundo caso de meningite no município. A paciente é uma adolescente, de 15 anos.

De acordo com a pasta, a adolescente deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do município nesta quinta (04), apresentando sintomas meníngeos, cefaléia e vômitos. No entanto, a paciente não apresentava estado febril. Durante o exame, foi realizada uma coleta de líquido da espinha (líquor), para que fosse diagnosticado o tipo de agente infeccioso. 

Através do resultado preliminar, foi detectada a presença de uma bactéria “gram-positiva”, tendo o material coletado enviado para a Fundação Ezequiel Dias (Funedi), para a confirmação. A adolescente segue internada e em constante observação, segundo a prefeitura. 

Todos os contatos íntimos domiciliares, que são as pessoas que convivem no mesmo ambiente, por no mínimo oito horas diárias, estão sendo acompanhadas. A Superintendência Regional de Saúde e o Núcleo Central de Saúde foram informados sobre o caso e estão prestando o apoio necessário.

Relação com o primeiro caso
No dia 21 de junho, foi confirmada a primeira ocorrência de meningite em Formiga, a qual foi registrado o óbito de uma adolescente. Ainda segundo a prefeitura, se especula de que os dois casos tenham relação, no entanto, mesmo que as duas pacientes sejam alunas da mesma escola, a secretaria de saúde informou que, de acordo com os exames já realizados, não há ligação entre os acontecimentos.

A paciente que morreu por meningite frequentava o primeiro ano C do Ensino Médio e residia no bairro Água Vermelha. Já a adolescente do segundo caso, está matriculada no primeiro ano A e mora no bairro Areias Brancas.

Dia D
Neste sábado (06), a Secretaria Municipal de Saúde realizará o “Dia D” de regularização dos cartões de vacinação dos munícipes. Na ocasião, as Unidades Básicas de Saúde estarão abertas para atender todos os moradores e as vacinas contra a meningite devem ser ministradas em pessoas de até 14 anos, 11 meses e 29 dias. 

“É de fundamental importância que a população tenha consciência e procure a Unidade Básica de Saúde (UBS) de seu Bairro para conferência do cartão e possível atualização”, comentou Leandro Pimentel, Secretário Municipal de Saúde.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS