• Bambuí, 18 de Agosto de 2019

Hospital emite nota lamentando falta de compromisso social do prefeito de Bambuí

O Hospital Nossa Senhora do Brasil publicou uma nota de esclarecimento nesta segunda-feira (10) lamentando a "falta de compromisso social" do prefeito de Bambuí, senhor Olívio José Teixeira. 

Confira a nota na integra:

"NOTA DE ESCLARECIMENTO

Considerando o grande clamor social promovido após uma reportagem publicada no veículo de comunicações “TV Bambuí” e um consequente pronunciamento feito em nome da Prefeitura de Bambuí, os Diretores do Hospital Nossa Senhora do Brasil vêm oficialmente, por meio dessa nota, manifestar e esclarecer à população de Bambuí e região o seguinte:

Primeiramente, cumpre esclarecer que o Hospital Nossa Senhora do Brasil é uma entidade beneficente de interesse social, não tendo qualquer pretensão de obter lucro. Todo o dinheiro que entra no Hospital é retornado para a população através da prestação de serviços médicos. Quanto menos dinheiro, menos serviços o Hospital poderá fornecer para a população.

Não existe no interior do Hospital Nossa Senhora do Brasil qualquer influência política, 
seja no dia-a-dia dos trabalhos médicos, seja na sua gestão. Os Diretores são pessoas idôneas, compromissadas, conhecidas e respeitadas pelo povo de Bambuí, que desempenham suas funções no Hospital de forma gratuita e com o único compromisso de ajuda ao próximo.

As contas do Hospital Nossa Senhora do Brasil sempre estiveram abertas e à disposição de todos, sendo que há cinco anos é realizada anualmente uma auditoria externa no balanço financeiro da instituição, jamais tendo sido constatada qualquer irregularidade.

Além disso, o Hospital sempre prestou contas mensais para a Prefeitura e no último contrato vigente entre as partes, a Prefeitura chegou a nomear um funcionário seu para ser o gestor 
do contrato, que deveria legalmente estar no dia-a-dia do Hospital; porém, essa pessoa jamais esteve na instituição. A Prefeitura até mesmo contratou uma empresa para realizar diagnóstico situacional no Hospital, que não se opôs e vem desde o início dos trabalhos fornecendo todos os documentos solicitados.

Quanto ao provável fim que se aproxima, da atual parceria com a Prefeitura de Bambuí, 
iniciada no ano de 2010, o Hospital Nossa Senhora do Brasil somente tem a lamentar, pois enquanto os gastos na área de saúde do Município cresceram cerca de 60% no período, o repasse ao Hospital vem caindo consideravelmente. Chegou a ser de R$ 200.000,00 em 2013 e iniciou 2019 em 
R$ 175.000,00. Somente após intensa luta da sua Diretoria, o Hospital conseguiu receber parte do aumento reivindicado nos meses de março, abril, maio e junho.

Lamentável, ainda, a posição da atual administração do Município de Bambuí, que em seu pronunciamento disse que pretende ajudar o Hospital somente naquilo que “a legislação obrigar”, ou seja, deixando claro que não tem qualquer compromisso social com a instituição e, consequentemente, com o povo de Bambuí.

O Hospital Nossa Senhora do Brasil jamais poderá concordar com a posição da Prefeitura de Bambuí de querer investir o mínimo possível na instituição, que vem servindo Bambuí e região desde o ano de 1934. Seus Diretores continuarão lutando pelo seu bem e pela sua sobrevivência."


Compartilhe:

COMENTÁRIOS