Notícia

Prefeito Olívio não cede e Pronto-Socorro do Hospital N.S. do Brasil será fechado, em Bambuí

Créditos: Marco Antônio/TV Bambuí Publicada em 06/06/2019 às 21:06:11 e atualizada em 06/06/2019 às 21:06:28

A TV Bambuí obteve com exclusividade o ofício protocolado pelo Hospital Nossa Senhora do Brasil junto à Prefeitura na data de ontem, através do qual comunica que estará devolvendo o serviço de Pronto Socorro ao Município no prazo de 30 dias.

De acordo com o ofício, o Hospital alega que não pretende continuar prestando um serviço sem a contrapartida financeira necessária, pois o déficit estimado apenas no mês de junho chegará a R$ 50.000,00.

Anteriormente o Hospital já havia declarado que as dívidas da instituição estão aumentando consideravelmente desde o ano passado e a Prefeitura, que havia assumido o compromisso orçamentário de repassar R$ 275.000,00 mensal ao Hospital no ano de 2019, disse agora não ter condição financeira para tal.

As partes envolvidas estão tentando uma negociação desde janeiro, ocasião em que o Município repassou ao Hospital R$ 175.000,00. Esse valor foi repassado também em fevereiro, sendo nos meses de março, abril e maio foram repassados R$ 275.000,00, após acordo feito em uma calorosa reunião entre os envolvidos com a mediação da Promotora de Justiça de Bambuí. No mês de junho, a previsão é de um repasse de R$ 225.000,00.

O grande impasse entre as partes tem se dado em razão do Pronto Socorro, que é um serviço de obrigação do Município e que o mesmo terceiriza para o Hospital. A Prefeitura por diversas vezes tem dito que pretende continuar com esse serviço, porém quer pagar apenas o valor do custo de manutenção do Pronto Socorro. O Hospital, por sua vez, insiste que precisa continuar com o auxílio da Prefeitura para manter o funcionamento de outras especialidades, como obstetrícia (maternidade), ortopedia, pediatria e cirurgias de baixa e média complexidade, pois o dinheiro repassado pelo Estado de Minas Gerais não é suficiente para o funcionamento desses serviços.

A TV Bambuí apurou que o Município de Bambuí vem auxiliando com os serviços de maternidade, obstetrícia, pediatria e cirurgias de baixa e média complexidade desde o ano de 2010 e que o dinheiro repassado mensalmente ao Hospital cobre, além dos gastos do Pronto Socorro, também os custos desses serviços.

Uma empresa foi contratada pela Prefeitura para realizar uma auditoria no Hospital e saber o custo exato do Pronto Socorro e também das demais especialidades médicas em funcionamento na instituição. Referida auditoria teve a concordância do Hospital mas, conforme também apurado pela TV Bambuí, o prazo dado para conclusão desse trabalho já chegou ao fim e empresa contratada pela Prefeitura ainda não apresentou qualquer relatório.

Uma fonte ouvida pela TV Bambuí confirmou que o motivo da devolução do Pronto Socorro seria a grande dificuldade de diálogo entre as partes e a insistência da Prefeitura em querer manter apenas o Pronto Socorro funcionando no interior do Hospital, o que a atual Diretoria entende ser totalmente inviável. Ainda de acordo com essa fonte, a tendência é que, com a saída do Pronto Socorro, o Hospital em breve deixe de disponibilizar as demais especialidades e feche a maternidade, pois não terá condições de disponibilizar tais serviços sem o auxílio da Prefeitura.

Segue a íntegra do ofício protocolado em 05/06/2019: CLIQUE AQUI

Veja também

Nova informações sobre acidente na LMG-827 em Bambuí

A TV Bambuí noticiou na tarde de ontem (17) um acidente ocorrido na LMG-827, no KM 12, onde o...

18/06/2019

IFMG Campus Bambuí promove I Semana de Administração

O IFMG – Campus Bambuí convida a toda a população bambuiense para prestig...

18/06/2019

Inscrições para conselheiros tutelares de Bambuí

Vão começar as inscrições para candidatos a Conselheiro Tutelar de Bambu...

18/06/2019

Mulher inabilitada é detida após sofrer acidente na LMG-893, em Formiga

Uma jovem de 23 anos, sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH), foi presa pela Pol&i...

18/06/2019

Ciclistas de Bambuí, Luz e Lagoa da Prata promovem encontro em Esteios

A manhã de domingo (16) começou com muita energia e determinação para ma...

18/06/2019

Vereadores retiram processos contra radialista e fundador da TV Bambuí

Os dez vereadores de Bambuí, representados por seus advogados, solicitaram durante a audi&eci...

18/06/2019

Jovem morre asfixiado por grãos de café enquanto trabalhava em fazenda de Patos de Minas

Um jovem acabou perdendo a vida enquanto trabalhava em uma fazenda na zona rural de Patos de Minas. ...

18/06/2019

Homem de 31 anos morre em grave acidente entre Candeias e Formiga

O condutor de um Bitrem, placa de Lagoa da Prata/MG, de 73 anos, residente nesta cidade, relatou que...

18/06/2019