Notícia

Homem é preso após matar desafeto em Formiga

Créditos: PMMG Publicada em 14/04/2019 às 17:04:36 e atualizada em 14/04/2019 às 17:04:48
Foto: PMMG

Na noite deste sábado (13), a Polícia Militar prendeu um homem de 30 anos pelo assassinato de outro homem de 29 anos, ocorrido na Rua Nossa Senhora da Abadia, Vila São Vicente, em Formiga. A arma utilizada para o crime, uma faca, foi localizada e apreendida pelos policiais militares.  

Por volta das 22 horas, a Polícia Militar foi acionada por populares a comparecer à Rua Nossa Senhora da Abadia, próximo ao nº 228, onde deparou com a vítima caída ao solo ao lado de uma poça de sangue. Os policiais foram informados sobre quem seria o autor do crime e o localizaram e prenderam próximo ao local dos fatos. A vítima foi socorrida por uma viatura do Corpo de Bombeiros, com um ferimento no peito, mas já chegou ao hospital sem vida, tendo a faca utilizada no crime atingido o coração.

O autor do crime, bastante conhecido no meio policial, se negou a prestar informações sobre o fato, mas em determinado momento comentou que já estava cansado de apanhar da vítima; que havia levado um tapa da vítima durante o dia e que havia comprado a faca para matá-la. O autor informou que havia escondido a faca em outra rua, próximo ao local do crime, a qual foi localizada e apreendida pelos policiais militares.

A perícia técnica realizou seus trabalhos no local e o corpo foi liberado para a funerária. O autor foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Formiga juntamente com a faca apreendida.

A vítima possuía passagens por crimes de trânsito, ameaça, lesão corporal, desacato, furto e roubo e já havia sido preso pela Polícia Militar diversas vezes.
Já o autor possui passagens pela polícia pelos crimes de ameaça, desobediência, lesão corporal, tráfico de drogas, furto, incêndio criminoso, dano, violência doméstica e por um homicídio ocorrido em novembro de 2018, ocasião em que chegou a ser preso dias após o crime, mas, atualmente, encontrava-se em liberdade. 

Relembre o caso
Na noite do dia 07 de novembro de 2018, a Polícia Militar foi acionada a comparecer ao bairro Geraldo Veloso, onde testemunhas informaram sobre uma vítima ensanguentada e agonizando, a qual foi socorrida por uma Unidade do SAMU, mas não resistiu aos ferimentos aparentemente provocados por uma faca.

Uma testemunha relatou que, após deixar o local em que estavam, encontrou com o autor com as mãos sujas de sangue, ocasião em que este informou que teria matado a vítima. O suspeito informou ainda que o motivo do crime seria um desentendimento entre a irmã dele e a vítima.
O autor foi preso dias após o crime.

Veja também

Estudantes aprovados na 1ª chamada do ProUni têm até o dia 25 para fornecer documentação

Estudantes selecionados na primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm a...

19/06/2019

Minas registra 421 mil casos de dengue em 2019, segunda maior epidemia da história do Estado

Minas está diante da segunda maior epidemia de dengue já registrada no Estado, com mai...

19/06/2019

População ganha e Hospital e Prefeitura de Bambuí entram em acordo

O Ministério Público de Minas Gerais mediou na tarde desta quarta-feira (19) uma reuni...

19/06/2019

Homem surta, ataca policiais e é baleado em Carmo da Mata

Um homem, de idade não informada, tentou atacar policiais militares com um facão, dura...

19/06/2019

Moro chama vazamentos de 'sensacionalismo'; ministro fala a CCJ do Senado, assista

O  ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, usou 20 do...

19/06/2019

IFMG realiza seleção para cinco vagas de professor em Bambuí

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG) vai...

19/06/2019

Quadrilha é detida após assaltar caminhão na BR-262

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na madrugada desta terça-feira (18)...

19/06/2019

Rafael Bastos é reeleito diretor geral do IFMG - Campus Bambuí

A Comissão Eleitoral Central divulgou nesta quarta-feira (19) o resultado do Processo de Cons...

19/06/2019