• Bambuí, 15 de Dezembro de 2019

Vem aí o II Festival de Teatro de Bambuí

Foto: Diretoria de Extensão, Esportes e Cultura – IFMG/Bambuí

Quando você pensa na sua infância, nos livros que leu, nas brincadeiras que fazia, nas histórias que ouvia, o que surge na sua cabeça? Nossa memória é povoada por lembranças como as que respondem as essas perguntas.

Pensando nisso, a Diretoria de Extensão, Esportes e Cultura do IFMG trouxe a “Memória” como eixo norteador do II Festival de Teatro de Bambuí, que acontecerá entre os dias 20 e 24 de novembro deste ano. Todos os espetáculos que serão apresentados têm alguma ligação com o nosso passado e com tudo que vivenciamos em nossa infância e juventude.
Quem nunca ouviu as estórias contadas por João Grilo e Chicó, presentes na obra “O Alto da Compadecida”, de Ariano Suassuna, montada e remontada pelos palcos do Brasil afora, ganhando até as telonas do Cinema, primeiramente com “Os Trapalhões” (“Os Trapalhões no Alto da Compadecida”, 1987, Demuza Cinema, Produções Cinematográficas) e depois com a dramatização “O Alto da Compadecida”, minissérie do sucesso produzida por de Guel Arraes, da Rede Globo, que virou filme? No espetáculo “Estórias de João Grilo e Chicó”, montagem da Trupe Nós-Destinos, os personagens marcantes da obra de Suassuna saem pelos quatro cantos do mundo em busca de aventura, e chegam à Bambuí, nos dias 20 (Comunidade São Francisco de Assis – FHEMIG) e 21 de novembro (pátio da Escola Municipal Antônio Torres) para contar suas aventuras e causos ao povo bambuiense.

A Companhia LuapraRua, de Ouro Preto/MG, traz a intervenção “Seu Geno e Dona Zita”, composta por dois bonecos híbridos que nos remetem à nossos avós, com toda a sua ternura e carinho dos gestos e olhares. Seu Geno e Dona Zita caminharão pelas ruas da cidade no dia 20 de novembro, vá conhece-los!

Além dessa intervenção cultural, a Cia LuapraRua traz, também, o espetáculo “Dona Juju”, que conta a história de uma senhora simples, que vive solitária em companhia de seu rádio e, em sua casa, vive numa mistura de lembranças e realidade, no dia 21 de novembro, às 14 horas, no Salão Nobre do IFMG.

E por falar em lembranças, quem não se lembra do quintal preferido na infância? Do estilingue, das brincadeiras com os amigos? A proposta do espetáculo “Memórias de quintal”, da Cia INSENSATA é trazer à cena o duelo entre uma criança e um pardal e todo o desenrolar dessa situação num quintal de memórias e surpresas. “Memórias de quintal” será apresentado no dia 22/10, às 18 horas, no pátio da Escola Municipal Antônio Torres.

O Grupo TeAstral de Teatro Amador, projeto da Diretoria de Extensão, Esportes e Cultura, estréia nos palcos no Festival deste ano, com duas montagens. Uma nos faz reviver, na forma de poesia, a lenda do “Negrinho do Pastoreio”, baseado no conto homônimo de Zora Seljam, numa intervenção emocionante e única, no dia 22 de novembro, às 10 horas. A outra montagem é fruto de um trabalho desenvolvido na disciplina Português e Literatura, da professora Alessandra Pontes, que traz para os palcos “Uma estória de Romeu e Julieta”, no dia 23 de novembro, também às 10 horas. Ambos os espetáculos acontecerão no Salão Nobre do IFMG.

A proposta do Curso de Teatro do IFMG Ribeirão das Neves também é nos fazer reviver os personagens de nossa infância e juventude, na montagem “Chapeuzinho Vermelho e seus amigos”, Chapeuzinho Vermelho se vê na difícil missão de proteger a floresta quando um lenhador insiste em derrubar as árvores. Contando com a ajuda de seus fiéis amigos Emília, Gato de Botas, Pica-Pau e sua querida Vovozinha, eles embarcam em uma divertida aventura a fim de salvar a fauna e a flora. O espetáculo será encenado no auditório da Escola Estadual João Batista de Carvalho, no dia 24 de novembro, às 18 horas.

O II Festival de Teatro de Bambuí é uma realização da Diretoria de Extensão, Esportes e Cultura do IFMG e conta com importante apoio do Sicoob Credibam, CEMAC (Centro de Especialidades Médicas Dr. Aloisio de Carvalho), CEO (Centro de Estudos Orientados) e da TV Bambuí. Participe!

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO


Compartilhe:

COMENTÁRIOS