Notícia

Setembro Amarelo: Especialista explica mitos e verdades sobre o suicídio

Créditos: PORTAL MPA Publicada em 13/09/2018 às 17:09:53

Segundo o primeiro boletim epidemiológico sobre suicídio no Brasil, divulgado pelo Ministério da Saúde, o número de suicídios aumentou 12%, entre 2011 e 2016. Por ano, cerca de 11 mil pessoas tiram a própria vida no país e, por dia, 32 brasileiros são mortos pelo autoextermínio, taxa superior às vítimas da Aids e câncer. Números alarmantes que despertam a atenção para o fato de que o suicídio é um problema de saúde pública e, como tal, deve ser combatido com a prevenção.

De acordo com o coordenador do curso de Psicologia da Faculdade Pitágoras, Carlos Eduardo Rodrigues, uma das frentes para essa prevenção é a desmistificação do assunto junto à população. Para ele, existe um tabu em torno do tema, que o torna um mal silencioso, já que as pessoas fogem do assunto e tendem a ignorá-lo, por medo ou falta de informação, sinais de possíveis suicidas.

“Frequentemente, pessoas que estão pensando em suicídio compartilham seus pensamentos na esperança de que alguém as acolha e as auxilie a reencontrar sentido na existência. Em outras palavras, trata-se de um pedido de ajuda”, explica. Além desse mito de que as pessoas que falam em suicídio não têm a intenção de se matar, Carlos aponta outras falsas colocações que precisam ser desmistificadas:

Mito: a maioria dos suicídios acontecem sem aviso
Verdade: a maioria dos suicídios é precedida por sinais discretos de comportamentos

Mito: a pessoa com propensão ao suicídio está determinada a morrer
Verdade: a pessoa em risco de suicídio apresenta dúvida entre querer viver e querer morrer

Mito: somente pessoas com transtornos mentais cometem suicídio
Verdade: o comportamento suicida é provável quando existe sofrimento intenso, independente de transtornos mentais

Mito: conversar sobre suicídio pode encorajar o ato
Verdade: conversar abertamente pode fazer com que a pessoa se sinta acolhida e tenha oportunidade de receber ajuda

“A maioria das mortes por suicídio são prematuras e podem ser evitadas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), nove em cada dez casos poderiam ter sido revertidos. Portanto, vamos falar sobre o assunto, vamos derrubar o preconceito em torno do tema, divulgar as ações preventivas e, com isso, salvar vidas”, conclui.

Veja também

Homem é baleado no bairro Novo Horizonte em Formiga

Um homem ficou ferido na madrugada desta quinta-feira 15, após ser atingido por arma de fogo,...

16/11/2018

Mãe e filha morrem afogadas após serem arrastadas por enxurrada

Com o forte temporal de ontem (15) na Capital Mineira, mãe e filha de 5 anos, morreram afogad...

16/11/2018

Goleiro Elisson confirma falecimento do filho Lucca, de 6 anos

O goleiro Elisson, ex-Cruzeiro, usou as redes sociais na tarde da última quinta-feira (15), p...

16/11/2018

Carga de café fica espalhada em via após acidente no Sul de Minas

Na tarde, desta última terça-feira (13), um veículo que estava transportando um...

16/11/2018

Veículo roubado em Tobati é encontrado em Campos Altos; um suspeito foi preso

A Polícia Militar (PM) prendeu um dos suspeitos de um assalto e localizou o veículo ro...

16/11/2018

PRF apreende carreta transportando cigarros de origem paraguaia entre Campos Altos e Ibiá

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu uma carreta transportando cigarros do Par...

16/11/2018

Saiba como é corrigida a prova de redação do Enem 2018

Uma das avaliações mais temidas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a red...

16/11/2018

Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou nesta quarta-feira (14), em depoimento &agrav...

15/11/2018