Notícia

Dois homens morrem eletrocutados durante evento rural no Triângulo Mineiro

Créditos: OTEMPO Publicada em 15/04/2018 às 19:04:50
Foto: Reprodução

Dois homens morreram e pelo menos outros dois ficaram feridos durante uma festa na Zona Rural de Campina Verde, no Triângulo Mineiro. De acordo com o Corpo de Bombeiros, as vítimas participavam de um evento de laçada de gados na noite desse sábado quando uma forte chuva fez com que uma das tendas montadas no local se soltasse.

Ao tentar segurar na estrutura de metal, os homens foram eletrocutados. Marcelo da Silva, de 45 anos e Marcelo Alves Barbosa, de 28, foram socorridos por amigos que estavam na festa, mas morreram no Pronto Socorro da cidade. Os feridos também foram levados para a unidade de saúde com ferimentos leves.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, algumas vítimas foram socorridas antes da chegada dos militares e ainda não foram identificadas.

De acordo com o boletim de ocorrência, a Cemig e as polícias Militar e Civil estiveram no local e constataram que a estrutura da festa já havia sido desmontada. Os organizadores do evento não foram localizados e o caso ainda será investigado.

Relembre

Tragédias envolvendo a rede elétrica ainda são comuns. No ano de 2011, por exemplo, um acontecimento chocou o país. Durante um pré-carnaval em Bandeira do Sul, no sul do Estado, 16 pessoas morreram e 55 ficaram feridas após serpentinas metalizadas terem sido disparadas na fiação pública. Cerca de 2.500 foliões acompanhavam um trio elétrico durante o momento do acidente. Os atingidos fatalmente tinham entre 13 e 24 anos de idade.

Uma análise realizada por engenheiros elétricos e técnicos do Departamento Municipal de Eletricidade de Poços de Caldas (DME), detectou os riscos apresentados pelo material em contato com a rede elétrica. Na ocasião, artefatos apreendidos pela polícia tinham esse aviso, mas eles estavam escritos em inglês.

O acidente provocou uma grande mudança no Estado. Um ano após a tragédia, a serpentina metálica foi proibida em Minas Gerais. A Lei 20.374 foi sancionada em 9 de agosto de 2012 e passou a valer no dia seguinte, quando foi publicada no Diário Oficial. Caso a norma não seja cumprida, o infrator fica sujeito às penalidades contidas no Código de Defesa do Consumido (CDC).

Veja também

Lista dos aprovados no Concurso Público da Prefeitura de Arcos

LISTA DOS APROVADOS NO CONCURSO PUBLICO DA PREFEITURA DE ARCOS ...

13/12/2018

Caminhonete Fiat Toro pega fogo subitamente na BR-354

A Polícia Rodoviária Estadual de Formiga compareceu no KM 480 da rodovia federal BR 35...

13/12/2018

Bambuiense fica ferido após colisão na LMG-827 próximo a Medeiros

Na tarde desta quarta feira (12), às 17:00 horas, um Fiat / Uno de Bambuí, seguia pela...

13/12/2018

Arcanjos Solidários realizam pelo sexto ano consecutivo Natal Solidário na Casa de Acolhimento Abacaxis

Foi realizado neste sábado passado dia 08/12  pelos membros da Associação ...

13/12/2018

Homem é preso com revolver em Bambuí

A Polícia Militar de Bambuí cumpriu na quarta-feira (12) um mandado de busca e apreens...

13/12/2018

Família procura por bambuiense desaparecido

Familiares e amigos estão procurando pelo bambuiense Roni Calazans, de 33 anos, que est&aacut...

13/12/2018

Carreta sai da pista e interdita pista da BR-354

Na tarde de ontem (11), a Polícia Rodoviária Estadual de Formiga compareceu no KM 480 ...

12/12/2018

Após arrastão em ônibus, assaltantes são encontrados de cueca pela PM

Um trio de assaltantes foi preso após cometer um arrastão em um ônibus da linha ...

12/12/2018