Notícia

Meio-irmão de Kim Jong-Un tinha substância mortal no rosto e na roupa

Créditos: AFP Publicada em 11/10/2017 às 19:10:34
Foto: AFP

Os legistas detectaram uma quantidade pequena, mas suficientemente letal, de um agente neurotóxico no rosto e na roupa do meio-irmão do líder norte-coreano, assassinado em fevereiro no aeroporto de Kuala Lumpur, de acordo com a audiência desta terça-feira no julgamento por sua morte.

Kim Jong-Nam tinha 0,2 mg de VX por quilo de massa corporal na pele de seu rosto, muito superior à típica dose letal, afirmou o químico Raja Subramaniam durante o julgamento das duas mulheres acusadas pelo assassinato.

O VX é tão letal que integra a lista da ONU de armas de destruição em massa. Kim morreu pouco depois do ataque, quando o agente neurotóxico atingiu seu sistema nervoso.

A indonésia Siti Aisyah e a vietnamita Thi Huong, acusadas pelo crime, estão sendo julgadas desde a semana passada na Alta Corte de Shah Alam, subúrbio de Kuala Lumpur onde fica o aeroporto.

As duas são acusadas de jogar o veneno no rosto de Kim.

As mulheres foram detidas pouco depois do assassinato do meio-irmão de Kim Jong-Un, que aconteceu em 13 de fevereiro no momento em que ele aguardava o embarque em um voo para Macau.

Raja falou sobre a quantidade de VX que encontrou no rosto de Kim.

Questionado na audiência se era suficiente para matar a vítima, o químico respondei: "Não posso dar uma resposta direta. Com base na concentração estimada, representa 1,4 vez a dose letal".

Também afirmou que foram detectados rastros de VX no casaco da vítima.

Raja indicou na audiência de segunda-feira que a substância mortal também foi encontrada nas roupas das acusadas.

Esta é a primeira prova que vincula diretamente as duas mulheres ao VX, uma variação altamente mortal de gás sarin.

As duas mulheres se declararam inocentes na abertura do julgamento. Ao longo de toda a investigação elas afirmaram que não tinham a intenção de cometer um assassinato e que foram enganadas, pois acreditavam que participariam em um programa de televisão do tipo "pegadinha". Os advogados de defesa afirmam que os culpados são norte-coreanos que conseguiram fugir da Malásia.

A Coreia do Sul acusa o Norte de planejar o assassinato, o que Pyongyang nega. Kim Jong-Nam era muito crítico a respeito do regime norte-coreano e vivia no exílio.

Veja também

Minas Gerais é o segundo Estado em número de feminicídios à espera de punição

O ano de 2017 terminou com 10.786 processos de feminicídio – homicídio de mulher...

21/06/2018

Família procura adolescente de 14 anos que está desaparecida

Familiares da adolescente Sthepany Aparecida Rodrigues de apenas 14 anos estão procurando em ...

21/06/2018

Golpe no WhatsApp para consulta ao PIS afeta 116 mil

Mais um golpe atingiu os usuários do WhatsApp. Se aproveitando do início do pagamento ...

21/06/2018

Veículo bate em carreta de trator na MG-341, em São Roque de Minas

Um VW Fox colidiu na noite desta terça-feira (19) contra um trator na rodovia MG-341 que entr...

21/06/2018

Duas mulheres e dois homens foram presos suspeitos de tráfico de drogas no Bairro Calcita em Arcos

Por volta das 02h05 da madrugada, desta quinta (21), denúncias chegaram ao Quartel da Pol&iac...

21/06/2018

Polícia Militar apreende aproximadamente 9 Kg de maconha e 20 pinos de cocaína em Formiga

Nesta quarta-feira (20), na Rua Dico Lavino, Bairro Novo Horizonte, em Formiga, a Polícia Mil...

21/06/2018

Vândalos danificam lampadas da Praça do Lava Pés em Bambuí

Cuidar e manter uma cidade funcionando bem, atendendo aos anseios dos moradores não depende s...

21/06/2018

Venda direta de etanol pode reduzir preço para o consumidor nos postos

A venda direta de etanol, dos produtores aos postos de combustíveis, pode ser permitida em br...

20/06/2018